O QUE É PERSONAL TRAINING ? 
 
  Personal Training é um treinamento físico individualizado, supervisionado e acompanhado diretamente por um professor de      
  Educação Física.
  As suas origens remontam aos jogos gregos antes de Cristo e foram ganhando popularidade a partir deste final de século,       
  com o maior interesse das pessoas em melhorar a saúde e estética através dos esportes e exercícios físicos em uma       
  sociedade cada vez mais automatizada e sedentária.
  
  AS VANTAGENS E CARACTERÍSTICAS DO PERSONAL TRAINING 
 
  Maior motivação, eficiência e resultados, já que o aluno tem um professor em cada série, repetição alongamento etc.
  Com o professor ao lado, cada exercício é feito com uma intensidade máxima que o aluno sozinho, geralmente, não 
  consegue realizar.
  Maior adesão aos exercícios , com menos faltas e uma permanência no treinamento mais longa.
  Maior segurança nos exercícios, o que leva a uma prevenção de lesões e acidentes.
  Um programa completo de condicionamento físico, não só de musculação, como atividades aeróbicas e flexibilidade.
 
  ATIVIDADES - PROGRAMAS DE TREINAMENTO
 
  - Treinamento residencial e/ou em condomínios
  - Treinamento em Academias -  musculação, esteira, bicicleta, step etc.
  - Ginástica localizada
  - G.A.P - glúteos, abdomem e pernas
  - Treinamento aeróbico - corrida, caminhada, ciclismo, natação etc.
  - Treinamento ao ar livre - Ex: praias, parques, praças etc.
  OBJETIVOS DO TREINAMENTO NA SAÚDE, ESTÉTICA E PERFORMANCE FÍSICA

  - Prevenção de doenças cardiovasculares - infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral
  - Redução / Manutenção do percentual de gordura corporal
  - Diminuição da pressão arterial basal
  - Aumento do volume de oxigênio máximo
  - Aumento de endurance muscular
  - Aumento do RML
  - Hipertrofia muscular - aumento da massa corporal magra
  - Prevenção de dores na coluna vertebral
  - Aumento da amplitude articular
  - Melhora da performance
  - Previne contra lesões degenerativas
  - Melhora a estética
  - Ajuda no bom colesterol
  - Aumenta a auto-estima
  - Diminue o stress do seu dia-a-dia
  EXERCÍCIOS DE ALONGAMENTO / FLEXIBILIDADE 
 
 
Flexibilidade é a amplitude de movimentos ao redor de uma ou mais articulações, é específica para cada movimento e  
  articulação corporal. Representa um dos componentes de saúde física do indivíduo e da performance. Sua deficiência é
  geralmente decorrente de vida sedentária, lesões e erros de treinamento.
  Baixos níveis de flexibilidade estão associados a processos degenerativos músculo-articulares, diminuição de performance,
  do equilíbrio postural e dores de coluna.

  * Previne / melhora as dores da coluna
  * Previne as lesões musculares.
  * Melhora o equilíbrio músculo-articular e a postura.
  * Diminue as dores musculares pós-exercícios.
  * Aumenta a performance e o aprendizado desportivo.
 
   RECOMENDAÇÕES
 
 
* Procure fazer os exercícios de alongamento antes e depois da prática de qualquer atividade física.
  * Realize os exercícios de forma lenta e gradativa até alcançar algum ponto de dor ou  desconforto, mantendo  a posição
    durante 10 a 60 segundos.
  * Procure relaxar mentalmente a musculatura alongada.
  * Procure dar ênfase aos movimentos músculo-articulares em que você tem mais dificuldades.
  * Alongue pelo menos por 20 minutos, 3 a 5 vezes por semana.

 
   TEXTOS
 
 
Qual é a melhor atividade física ?

 
Não existe uma atividade melhor ou mais completas visto que, cada uma tem um objetivo e trabalha um tipo de sistema
  energético e músculo-articular.
  Antes de iniciar qualquer atividade física, os testes, exames e avaliações com um médico e professor de educação física são
  imprescindíveis para que possam orientar quanto a duração, intensidade e frequência dos exercícios, cujas variações,
  dependeram da idade, sexo, necessidades, interesses, composição corporal, tempo disponível e grau de condicionamento
  físico.
  Três tipos de
exercícios devem ser combinados e utilizados regularmente: aeróbicos, RML, musculação e flexibilidade. Para
  melhor desenvolvimento físico global, devemos optar por atividades onde as mesmas sejam prazerosas.

 Queima de gordura localizada

 
O tecido adiposo, que é uma reserva enegértica só diminue quando há um defite calórico (quando a ingestão é menor que o
 gasto energético) que é conseguida através de restrição calórica e exercícios.
 Devemos evitar os agasalhos e roupas emborrachadas, usados na tentativa de aumentar a transpiração, e procurar ingerir  
 líquidos, pois a sua falta poderá nos levar a desidratação.
 A gordura não está localizada dentro do músculo e sim por cima dele não existindo uma ligação direta vascular entre os dois.   
 Quando a gordura é requerida como energia, ela entra na corrente sanguínea de todos os depósitos do corpo, e não só dos que
 estão mais perto dos músculos envolvidos no trabalho muscular.
 

  Mitos

 Se parar o treinamento,  cai tudo? 

 Quando paramos as atividades físicas , temos a impressão de que nossos músculos ficaram flácidos e caídos, na verdade isto
 não acontece, esta falsa impressão quando diminuímos, ou até paramos a atividade física e não diminuímos também a
 alimentação. Em consequência provocamos um excesso calórico diário, que se transforma em gordura corporal. O aumento da
 gordura vem acompanhado de uma atrofia muscular causada pela diminuição ou falta de exercícios.
 
 O músculo queima ? 

 A dor que sentimos no músculo durante o exercício é provocado pelo acúmulo de ácido lático e potássio, entre outros que 
 levam a uma diminuição do fluxo sanguíneo aos músculos utilizados, limitando os movimentos e levando à dores.  A saída é
 descansar durante alguns minutos ou alternar os grupos musculares.

Voltar