ARTIGO

  COLESTEROL -  o inimigo nº 1  do coração

 

Gordura essencial para o funcionamento do corpo. Em excesso, é um dos fatores que leva ao infarto e derrame.

O QUE É

Uma gordura sangüínea fundamental no processo de síntese de hormônios e composição da membrana das células. É imprescindível até certo limite. Quando em excesso, pode contribuir para a ocorrência de problemas como infarto e derrame.

AS PRINCIPAIS GOSANGÜÍNEAS

HDL
É uma das partículas do colesterol. Promove a saúde, pois ajuda a "varrer" o colesterol mau do interior das artérias.

LDL e VDL
São as partículas que prejudicam a saúde. A reação química pela qual passam facilita a deposição de células nos vasos.

Triglicerídeos
Predispõem a camada interna das artérias à penetração de partículas do colesterol.

Lipoproteína
Quando em excesso, acelera o endurecimento das paredes das artérias.


ORIGEM DO COLESTEROL

 

O fígado é o órgão responsável pela produção do colesterol no organismo. Uma boa parte da gordura provém dos alimentos gordurosos.

 

o fígado é responsável pela produção do colesterol


1 O sangue atravessa uma artéria normal, saudável, sem dificuldade. As paredes dos vasos estão limpas.

 

fluxo de sangue em uma artéria normal

 

A gordura em excesso no sangue começa a se depositar no interior das artérias e vai impedindo o livre trânsito sangüíneo.

 

artéria com gordura depositada em seu interior

 

3 A quantidade cada vez maior de gordura contribui para a formação de placas que podem levar ao entupimento de uma artéria e ao bloqueio do fluxo sangüíneo.

 

artéria entupida

CONSEQÜÊNCIAS

Se a artéria entupida irrigar:

O colesterol alto não é o único culpado pelo entupimento das artérias. Outros fatores como diabetes, tabagismo (fumo), hipertensão, estresse e sedentarismo aumentam o risco de surgirem sérios problemas de saúde,especialmente males 
cardíacos.

Exames periódicos devem ser sempre feitos para medir o nível de gordura no sangue. Esta checagem deve começar a partir
dos 20 anos de idade, se já houver na família alguém com altas taxas de colesterol.

ALIMENTAÇÃO

A ingestão diária de colesterol deve se restringir a 300mg/dl

Dicas


Comidas com alto teor de colesterol. Veja quanto cada alimento contém de colesterol em cada 100g.

carne gorda - 289mg

figado - 320mg

caranguejo - 565mg queijo provolone - 194mg
ovo - 463mg frango - 98mg
manteiga - 250mg mozzarela - 140mg
sardinha - 220mg lingüiça - 123mg

tabela do colesterol  T


COLESTEROL:   MANTENHA  SOB  CONTROLE

Legumes ,verduras, azeite, peixe, alho  e cebola:  nos alimentos, o  melhor cardápio para controlar o colesterol.

Quem vive de briga com o colesterol deve analisar muito bem o que leva á boca.  Novos estudos vêm mostrando que certos alimentos têm o poder de desintoxicar o  colesterol ruim (LDL), impedindo a sua ação nas artérias.

A dieta consiste em consumir alimentos que reduzam os níveis do colesterol perigoso (LDL) e aumentem o HDL, o bom colesterol.  Quanto mais HDL e menos LDL se concentrar no sangue, mais saudáveis serão as artérias pois, nesses índices pesquisas revelam que há uma redução de 50 á 70% de chances de manifestar arteriosclerose e até ajudar a reverter as obstruções já existentes.

 Veja o potencial de alguns desses alimentos:

·        Feijão: a ingestão de uma xícara de feijão por dia diminui em 20% o colesterol ruim.  Pode ser de
      qualquer tipo (preto, roxo, lentilha, grão de bico e, principalmente, a soja).  Essa mesma quantidade
      ajuda a elevar em 9% o bom colesterol.

·        Aveia:  mais de 20 estudos comprovam o poder da aveia contra o colesterol.   Se misturada ao farelo-de-trigo seu poder triplica.  Coma no café da manhã na forma de  mingau, acrescentando o leite com Omega três, que também faz bem ao coração.  Adoce, de preferência com frutose (açúcar natural de frutas).

·        Alho: 3 dentes de alho por dia são capazes de diminuir até 15% do  colesterol em algumas pessoas.  Seis componentes
do alho foram identificados como
desintoxicastes, pois suprimem a síntese de colesterol no fígado.   Estudos mostram que
1 dose diária de óleo extraído de 3 dentes de alho diminui em 7% o colesterol ruim e aumenta em 23% o bom colesterol.

·        Cebola: a cebola crua (usada em saladas)aumenta em 30% o bom colesterol.  Dica: para reduzir o cheiro da cebola, mergulhe-a rapidamente em água quente.

·        Salmão:  adquira o hábito de consumir salmão e cavalinha, que contam com um alto teor de Omega três, gordura que aumenta a taxa de HDL.  O salmão também diminui o triglicérides.

·        Azeite de oliva:  sã inúmeros os benefícios do azeite de oliva para as artérias.  Ele reduz o LDL e aumenta ligeiramente
os
níveis do bom colesterol.

Outros alimentos também auxiliam a controlar o colesterol:

Maçã, cenoura, frutas e vegetais  ricos em vitamina C e beta-carotena (mamão, damasco), farelo-de-trigo, frutas com casca , verduras  e legumes crus.

 Voltar